Gana reage ao sorteio e aponta à “hora da vingança”

O Gana vai defrontar Portugal no Grupo G do Mundial’2022, naquele que será um reencontro depois do Mundial de 2014, mas na memória dos ganeses não está esse encontro, mas sim o do de 2010 diante do Uruguai. Em causa está um lance bastante polémico, no qual Luis Suárez fez de guarda-redes e tirou um golo feito aos africanos. Foi expulso na sequência da jogada, mas o crime acabou por compensar, com os uruguaios a avançarem para as ‘meias’. Doze anos depois, o presidente da Federação Ganesa quer a vingança.

“Acreditamos que é a hora da vingança. Sentimos que ganhámos de forma clara aquele jogo, mas depois aquela ‘defesa’ do Suárez… Será muito interessante para nós jogar de novo contra eles, obviamente temos memórias profundas. É importante acertar contas”, atirou Kurt Okraku, à BBC Sport Africa.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *